Quinta, 03 de Dezembro de 2020 19:46
(83) 996792335
Política Cassação

Partidos de oposição em São Bentinho entram com pedido de cassação do registro da candidata Mônica Santos

Todo evento realizado em véspera de eleição foi divulgado e transmitidos pelas redes sociais do Município, marcando e vinculando a atual prefeita nas postagens.

30/10/2020 09h45 Atualizada há 1 mês
204
Por: Blog do Almir Santos Fonte: Liberdade PB
Foto: reprodução/google
Foto: reprodução/google

De acordo com os documentos, várias irregularidades foram realizadas com o objetivo de promover a candidatura de Mônica Santos em São bentinho.

Acompanhe trechos do documento enviado á nossa redação:

A COLIGAÇÃO JUNTOS CONSTRUIREMOS UMA NOVA HISTÓRIA (partidos MDB e PL São Bentinho-PB), apresentou AÇÃO DE INVESTIGAÇÃO JUDICIAL ELEITORAL POR ABUSO DE PODER POLÍTICO contra GIOVANA LEITE CAVALCANTI OLÍMPIO, atual prefeita e MÔNICA DOS SANTOS FERREIRA, candidata a prefeita.

O apoio prestado pela promovida ultrapassou por inúmeras vezes os limites legais impostos pela legislação eleitoral, tendo ambas as partes usufruído de forma irregular da posição de prefeita do Município.

Durante toda a campanha política deste ano de 2020, a atual prefeita usou da máquina pública para alavancar a candidatura de sua protegida, com o objetivo de beneficiar ambas as investigadas.

Dentre inúmeras condutas praticadas pela prefeita, cabe mencionar a mini-carreata e reprodução de jingles de campanha eleitoral, realizada durante a pré-campanha eleitoral de 2020.

No dia 02 de setembro, quando, para divulgação de INAUGURAÇÃO DE UM Centro de Referência da Assistência Social – CRAS E DE ENTREGA DE 07 VEÍCULOS, pelo órgão executivo municipal, foi realizado desfile dos mesmos por toda cidade, acompanhada de veículos particulares, configurando uma carreata e ao final, em frente a sede do CRAS, os carros foram filmados com jingles de campanha com “A MULHER VEM AI” que em frente a órgão público, tocando jingles da campanha política da prefeita e que também é utilizada pela candidata a prefeita apoiada pela atual.

Todo evento realizado em véspera de eleição foi divulgado e transmitidos pelas redes sociais do Município, marcando e vinculando a atual prefeita nas postagens.

Basta uma rápida análise do citado vídeo institucional e das postagens das redes sociais oficiais para se notar uma manifesta preponderância da imagem pessoal da prefeita e sua candidata, em detrimento da ênfase que deveria ser dada às políticas públicas ora divulgadas.

Desse modo, contata-se que GIOVANA LEITE CAVALCANTI OLIMPIO e MÔNICA DOS SANTOS FERREIRA se valeram de material institucional, custeado com verba pública, para fins de promoção pessoal.

Em verdade, não é forçado dizer que, durante a campanha de MÔNICA, a imagem de GIOVANA ficou muito mais evidenciada do que até mesmo da candidata a prefeita.

Desse modo, o capital político adquirido pela prefeita repercutia diretamente em favor da candidatura MÔNICA. Isso revela a ligação indissolúvel da imagem de ambos nessas eleições. Ademais, a candidata Mônica faz repostagens das postagens de Giovana, assim como o candidato a vice prefeito.

Logo, é de se requerer de Vossa Excelência se digne a apuração do que foi reportado nessa representação para que se promova a correção destas condutas que ao se caracterizarem ferem o ordenamento jurídico brasileiro e leva ao chão as normas democráticas.

Assim sendo, requer o representante que: a) Requer, a notificação das investigadas; b) Faça-se vistas ao Ministério Público para o Douto Promotor elaborar seu parecer; c) Por fim, requer que seja julgado procedente o pedido autoral, reconhecendo a gravidade do abuso de poder político e a aplicação de multa, bem como de cassação de mandato eletivo de GIOVANA e cassação do registro de candidatura de MÔNICA por abuso de poder econômico, reconhecimento de causa de inelegibilidade; “Rhaniel Wanderley advogado”.

loading...
loading...
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias