Header Ads

Clipe de Cleo e Mano Brown gera polêmica e é criticado por estereotipar o homem negro


Cleo lançou, na última quinta-feira (29), mais um clipe, cuja música é homônima à sua nova coletânea: "Melhor que eu". A produção tem participação especial de Mano Brown, que protagoniza cenas quentíssimas com a cantora. Além de não ter agradado o público, o vídeo gerou polêmica na internet, acusado de ter estereotipado a figura do homem negro.

Na tarde desta sexta-feira (30), o clipe, que foi gravado no Capão Redondo, bairro nasceu o rapper, foi parar nos Trend Topics do Twitter. Em tuítes, diversos grupos levantaram a discussão sobre a maneira como a indústria cultural e do entretenimento retratam o homem negro.

Alguns internautas não compreenderam o teor da crítica e pensaram que se referia ao fato de um homem negro ter aparecido em cenas de sexo com uma mulher branca. O que militantes do movimento discutem, contudo, é a objetificação e hipersensualização de negros pela indústria de entretenimento.

Vários fãs de Mano Brown disseram, por outro lado, que o cantor é politizado o suficiente para não se inserir em uma produção que reforçasse estereótipos racistas, e que foi ele quem escolheu gravar o clipe. 

Na manhã desta sexta-feira (30), Cleo comentou sobre o clipe em seu Instagram Stories e se mostrou feliz com a repercussão e os comentários sobre a produção. Mano Brown não se pronunciou em suas redes sociais sobre a discussão.


redetv.uol

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.