Header Ads

Traficante brasileiro é suspeito de matar jovem em prisão no Paraguai


De acordo com informações do jornal local Extra, Lidia teria sido espancada e esfaqueada 16 vezes pelo traficante durante uma visita que realizou ao brasileiro neste sábado (17).

Traficante brasileiro é suspeito de matar jovem em prisão no Paraguai (Foto: Reprodução)

O traficante brasileiro Marcelo Pinheiro Veiga, popularmente conhecido como Marcelo Piloto, é suspeito de matar a jovem Lidia Meza Burgos, de 18 anos, dentro da cela onde ele cumpre pena no Paraguai.

De acordo com informações do jornal local Extra, Lidia teria sido espancada e esfaqueada 16 vezes pelo traficante durante uma visita que realizou ao brasileiro neste sábado (17).

A jovem foi encontrada ensanguentada dentro da cela do brasileiro após um carcereiro ouvir gritos vindos da cela de Piloto. A vítima chegou a ser levada para um hospital em Assunção, onde teve sua morte confirmada.

De acordo com a imprensa paraguaia, o assassinato seria uma "estratégia macabra e desesperada" do narcotraficante para barrar sua extradição para o Brasil, já que todos os recursos judiciais foram esgotados sem sucesso.

Ao longo da semana, a Justiça paraguaia negou que Piloto se casasse com María de Souza Penna, que cumpre pena na mesma penitenciária que o traficante. O casamento com a paraguaia poderia dificultar a extradição do brasileiro.

Preso no Paraguai por homicídio e falsificação de documentos, Piloto possui também em sua ficha criminal crimes de tráfico e associação para o tráfico, latrocínio e roubos. No Brasil, ele é considerado o maior fornecedor de drogas, armas e munições da maior facção criminosa do Rio e foi condenado a 26 anos de prisão.

clickpb

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.