Header Ads

Diretor Bernardo Bertolucci, de "O último tango em Paris", morre aos 77 anos

(Foto: divulgação)

Diretor de filmes como "O último tango em Paris”, o diretor Bernardo Bertolucci morreu nesta segunda-feira (26), em Roma, aos 77 anos. A informação foi divulgada pela imprensa italiana, que citou luta contra doença, mas sem revelar a causa da morte. 

Bertolucci era considerado o último grande mestre do cinema italiano. Foi premiado com o Oscar de melhor diretor em 1987 pela cinebiografia "O Último Imperador”. Ao todo, o longa levou nove estatuetas.

O diretor foi também reconhecido pelo conjunto de sua obra em 2011, quando recebeu uma Palma de Ouro, no Festival de Cannes.

Bernardo Bertolucci dirigiu filmes considerados obras-primas do cinema, como "Antes da revolução" (1964), "1900" (1976) e "O conformista" (1970). 

Uma polêmica recente envolveu o nome do diretor, que admitiu ter filmado uma cena de sexo não consentida em "O último tango em Paris". 

No vídeo divulgado por uma ONG italiana em 2016, Bertolucci conta que a atriz Maria Schneider não sabia o que iria acontecer na cena mais forte e conhecida do filme. Na sequência, Marlon Brando usa manteiga como lubrificante. Brando e Bertolucci foram indicados aos Oscar pelo filme.

redetv.uol

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.